Do Ácido Glicólico à Vitamina C: saiba que ativos incluir na sua rotina de cuidados com a pele antes dos 40.
19/03/2018

Todos os detalhes da sua pele marcam uma série de momentos da sua vida: cicatrizes, manchas, linhas de expressão e até rugas surgem devido aos danos cumulativos que colecionamos ao longo dos anos – seja por excesso de exposição solar ou pela falta dos cuidados adequados, por exemplo. Se você deseja manter essa região bonita, saudável e fortalecida por longos anos, é importante começar a praticar alguns cuidados antes dos 40 – dentre eles, adotar o uso de ativos como o ácido glicólico. Para esclarecer melhor essas medidas e o poder desses ingredientes na pele, o DermaClub conversou com a dermatologista Flávia Addor, de São Paulo. Veja só!

Flacidez e linhas de expressão no rosto são características de quem está chegando aos 40 anos

De acordo com a médica, “nessa época os sinais do tempo já estão mais evidentes, causando o início da flacidez, com discreta perda dos contornos em regiões como face e pescoço, que será mais acentuada em pessoas que tomaram muito sol ao longo da vida. As melanoses solares e linhas finas também começam a aparecer, sobretudo ao redor dos olhos e boca”, explicou.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Produtos e ativos para adotar neste período: do ácido glicólico à vitamina C

Para atenuar os primeiros sinais da idade, é importante apostar em ativos que promovam uma renovação celular, como é o caso do ácido glicólico. Esse ingrediente da família dos alfa-hidroxiácidos pode ser usado em muitos quadros, como na uniformização da pele e minimização das rugas. “O ácido glicólico promove uma renovação celular, melhorando a textura, a aparência dos poros dilatados e alguns tipos de manchas”, esclareceu a Dra. Flávia. Além disso, quando é utilizado em peelings – em concentrações mais elevadas -, o ativo pode atuar na derme, estimulando a produção de colágeno e fibras de elastina, responsáveis por dar sustentação à pele.

Além de produtos com essa substância, vale também apostar nos antioxidantes. Eles são indicados para proteger o rosto contra os danos ambientais, como o sol e a poluição, que geram grandes quantidades de radicais livres na pele. “As substâncias antioxidantes de maior evidência científica são as vitaminas C, E, além do ácido ferúlico e resveratrol”, ressaltou.

Tratamentos rejuvenescedores para investir antes dos 40

Além dos produtos de uso tópico, a Dra. Flávia também indica alguns procedimentos que podem ser feitos no consultório: “Os tratamentos com toxina botulínica e preenchedores já têm seu espaço, mas devem ser avaliados em todos os casos. Peelings e luz intensa pulsada podem também ser indicados, dependendo do grau de dano da pele”. Aliás, o ácido glicólico também pode ser usado em maiores concentrações em procedimentos como o peeling, a fim de proporcionar uma renovação celular mais intensa.

Fonte: DermaClub

Compartilhe este post!

Post by admin

Posts Relacionados